terça-feira, 29 de novembro de 2011

Feria Internacional del Libro - Guadalajara 2011





No dia 26 de Novembro começou oficialmente a 25ª Feria Internacional del Libro de Guadalajara. São nove dias de muita festa literária até, 4 de dezembro.

A atenção da organização do evento com os profissionais se nota nos muitos programas voltados para eles. Há treinamentos específicos para agentes literários novos, para editores (especialmente focando a venda de direitos) e para ilustradores; programas que incentivam e facilitam a presença de bibliotecários na feira; palestras, debates e encontros com profissionais de diversas partes do mundo que compartilham suas experiências.

Os números da edição deste ano seguem sendo gigantescos. A 25ª edição da FIL reunirá 45 países, mais de 17 mil profissionais do livro, quase 200 agentes literários e será coberta por 490 veículos, através de 1.700 jornalistas. É visitada por grupos volumosos de estudantes e público em geral.

A FIL se destaca com uma programação artística tão bem cuidada quanto a de festivais literários como os de Hay-on-Wye ou a própria Flip (Festa Literária Internacional de Paraty). Prêmios Nobel dividem espaço com escritores comerciais, alternativos e estreantes.

Nos últimos anos, passaram por lá o turco Orhan Pamuk, o francês Le Clézio, o mexicano Carlos Fuentes, o anglo-indiano Salman Rushdie e o português José Saramago (já morto), entre outros. Este ano o evento conta com a participação de dois prêmios Nobel, o peruano Mario Vargas Llosa e a romena-alemã Herta Müller.

Confira aqui o Programa de Atividade da FCE no evento

Saiba mais no site da FIL

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Palestra Poder na Mesoamérica com Dr. Enrique Florescano

O Consulado Geral do México em São Paulo, o Departamento de História e Programa de Pós-graduação em Histó­ria Social da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo convidam para a pa­lestra Poder na Mesoamérica (em espanhol) com o Dr. Enrique Florescano no Anfiteatro do Departamento de Ge­ografia da FFLCH/USP.

O Dr. Enrique Florescano é um dos historiadores mais reconhecidos no México e da América Latina, principalmente do período mesoamericano. Entre seus livros mais importantes: Memória mexicana (com edição em inglês); O novo passado mexicano; O mito de Quetzalcóatl (com edição em inglês), Etnia, Estado e Nação; As origens do poder na Mesoamérica.

Recebeu diversos reconhecimentos, nacionais e internacionais, como o Prêmio Frei Bernardino de Sahagún (INAH, 1970); Prêmio Nacional de Ciências Sociais (Academia de Investigação Científica, 1976); Prêmio Nacional de Ciên­cias e Artes (Governo do México, 1996); Prêmio Francisco Javier Clavijero (Instituto Veracruzano de Cultura, 2001); Doutorado Honoris Causa da Universidade Veracruzana (2002); Doutorado Honoris Causa da Universidade Michoa­cana de San Nicolás de Hidalgo (2004), e recentemente recebeu o Prêmio de Jornalismo Cultural 2010 otorgado pela Associação Iberoamericana da Comunicação (ASICOM), em colaboração com o Principado de Asturias e a Uni­versidade Nacional Autônoma do México.

10 de novembro de 2011 às 19h00
Rua: Prof. Luciano Gualberto, 338 - Prédio da Geografia e História
Cidade Universitária - São Paulo - SP

Entrada Franca


Participe!
Veja aqui mais informações sobre a palestra
Organização: Centro de Estudos Mesoamericanos e Andinos (CEMA)